Fim da plataforma LATTES?

Boatos deram conta de quem a plataforma de currículos Lattes teria seus dias contados. Com certeza espalhados por pessoas mal intencionadas e sem ter o que fazer, a não ser espalhar terrorismo e fakenews, o próprio CNPq lançou uma nota esclarecendo o fato. Segue nota na íntegra:


“Em relação ao boato que tem circulado neste final de semana sobre uma suposta extinção da Plataforma Lattes, o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) informa que não há nenhum encaminhamento para isso.
Ao contrário, a Plataforma Lattes, que este ano completa 20 anos de criação com mais de 6 milhões de currículos cadastrados, tem ganhado cada vez mais reconhecimento e relevância, não só pela importância já consolidada para a comunidade científica, mas, também, pelos recentes aprimoramentos como a inclusão, nos currículos, de nome social, de projetos de ensino e data de nascimento ou adoção de filhos; além da integração com outras plataformas de Governo como o Banco de Talentos, que reúne o currículo dos servidores públicos federais para fins de seleção para cargos.
Ressaltamos, ainda, que está em curso, em parceria com várias instituições, um Plano de Modernização da Plataforma Lattes, anunciado em dezembro de 2018.

Fonte: CNPQ LATTES

Anúncios

Google Hire, um novo rival para o LinkedIn

Google Hire permite agregar dados e material sobre candidatos espalhados pelo Gmail, Docs, Calendar e etc numa única plataforma (Foto: Divulgação/Google)

Hire é o novo produto do Google para organizar o processo de contratação de talentos e novos profissionais para pequenos e médios negócios. A ideia da ferramenta é servir de alternativa ao LinkedIn, com a vantagem de oferecer grande integração com a suíte de aplicativos da Gigante das Buscas. O serviço permite que informações sobre os candidatos sejam de fácil acesso e visualização, tornando mais simples a seleção de candidatos por profissionais do RH.

Integrado aos outros produtos do Google, como Gmail, Calendar e Planilhas, o Hire é destinado a empresas como uma plataforma de gerenciamento do processo de seleção — principalmente para empresas que não têm orçamento para contratar serviços mais específico desse mesmo gênero. A novidade, que passou um ano em fase de testes, tem suas atividades limitadas aos Estados Unidos, no momento.

Profundamente integrado à G Suite, o Google Hire depende de assinatura para ser utilizado. Com o serviço, uma companhia pode acompanhar o agendamento de uma entrevista, ter acesso a informações de contato do candidato, bem como o histórico de troca de e-mails e currículos — tudo a partir de informações que já estão no Calendar, no Hangouts, no Gmail e etc.

Matéria completa no site Techtudo

Big Data: Análise de dados GRANDES!

Big Data tem sido alvo de muitas noticias e pesquisas no mundo inteiro. Praticamente todas as empresas de tecnologia em software tem buscado soluções de como filtrar e tratar de forma boa e cordial o mundaréu de dados existentes hoje na internet.

A Intel lançou um projeto, além de um curso online, que trata bem desse assunto. Se você quer entender melhor sobre isso, acesse o link do vídeo clicando aqui.